Sábado, 14 de Fevereiro de 2009

Revolução à vista na electrónica

Física. Cientistas sul-coreanos criaram uma técnica de produção de grafeno, um novo material que vai mudar a forma das máquinas do mundo da electrónico

Nova técnica abre caminho para futuros computadores maleáveis, transparentes e ultrafinos

Cientistas sul-coreanos desenvolveram um novo método para produzir eléctrodos transparentes e elásticos. Esta descoberta, divulgada ontem através da revista Nature, pode ter largas implicações no fabrico de equipamento electrónico flexível e de computadores maleáveis ou aplicáveis numa superfície plástica ou até na própria roupa dos consumidores, como pode ser visto nas imagens de possíveis futuras aplicações.

A equipa liderada por Byung Hee Hong, da Universidade de Sungkyunkwan, em Seul, concebeu uma técnica de produção de camadas de grafeno com maior qualidade do que as existentes. O grafeno é uma lâmina microscópica da espessura de um átomo de carbono, neste caso aplicada num substrato de níquel. A nova técnica de deposição química de vapor poderá permitir superar as dificuldades na produção deste material, que tem propriedades físicas quase inimagináveis mas preço ainda muito elevado.

Estes materiais têm propriedades mecânicas e electrónicas muito superiores aos que são utilizados nos equipamentos existentes. Os coreanos desenvolveram um método simples para produzir e transferir em larga escala películas de grafeno de alta qualidade.

Estas técnicas, quando puderem ser comercializadas, abrem caminho a um grande passo evolutivo na electrónica. Os novos materiais são mais amigos do ambiente e surgem numerosas possíveis aplicações. O papel electrónico, por exemplo, transístores de reduzida espessura, circuitos flexíveis e translúcidos. Na actual electrónica transparente é usado um componente cada vez mais raro, o índio. O grafeno aumentará a qualidade dos equipamentos, contornando o problema da escassez de materiais que incorporam índio. As possibilidades dos equipamentos flexíveis e elásticos serão também imensas.
in:DN 15-01-2009

publicado por FQ às 18:45
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
26
27
28

29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Descoberto o sistema sola...

. Asteróide pode colidir co...

. Cientistas holandeses cri...

. Satélite Planck envia pri...

. Caminho da espécie humana...

. A Lua e o seu fascínio

. Finalmente, é Primavera n...

. Carregar o telemóvel com ...

. Pelos caminhos da energia...

. Discovery foi lançado

. Goce já está no Espaço

. Ano 2065: um mundo sem ca...

. Maior acelerador de partí...

. Fonte de energia descober...

. Caneta digital converte e...

. 1816, o ano em que não ho...

. Espaço: Um grande olho no...

. Capacete virtual está a c...

. Um PC dentro do seu tecla...

. Novo computador de bordo ...

. Rádios piratas podem colo...

. Futuro da literatura pass...

. Telescópio detecta maior ...

. Asteróide passa perto da ...

. Um cérebro com 300 milhõe...

. Marte: novas evidências d...

. Satélite choca com a Lua

. NASA em busca de vida ext...

. Água terá corrido à super...

. Portugal de olhos postos ...

. NASA volta ao espaço

. Cientista cria automóvel ...

. Milhares de cometas escur...

. Astronomia: «E agora eu s...

. Asteróide pode chocar com...

. Lua nasceu 62 milhões de ...

. NASA: há líquido num lago...

. Nebulosa Helix

. Imagens da Galáxia NGC 15...

. Estrelas em formação

. Imagens retiradas pelo Hu...

. Hubble encontra «monstro ...

. Chuva de detritos espacia...

. Veja o «Olho de Deus»

. NASA escolheu lua Europa ...

. Satélite caiu pelo nariz

. Electricidade sem fios: p...

. Controlar o computador co...

. Uma pastilha para apagar ...

. Origem multicelular de al...

.arquivos

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

.tags

. todas as tags

.links

.participar

. participe neste blog

SAPO Blogs

.subscrever feeds